sábado, 16 de junho de 2012

Cansaço Mental

“Não há mal que dure cem anos, nem corpo que o agüente.”

Sale el sol – Shakira

Todos têm um limite, seja mental ou físico. Pois bem, acho que estou chegando no meu extremo mental. Não agüento mais tanta pressão na minha cabeça. Sei lá, mas esta semana parece que eu fiquei ligado 24 horas por dia a começar pela segunda-feira. Muita gente buzinando, reclamando, desabafando ou brigando. Muita correria para mim e para outros só sombra e água fresca.

Sempre tento fazer tudo perfeito. E tanta coisa negativa na minha cabeça só faz com que eu ache que não estou fazendo as coisas certas. E o meu chão se perde quando penso que se não estou agradando dando o máximo de mim, então não há solução, porque fazer melhor do que o meu melhor eu não consigo. E é justamente nesse exato momento que eu chuto o pau da barraca e tento fugir dali. “Se um problema não tem solução, solucionado está.”

Nesta semana eu quase surtei. Aliás ainda estou para surtar. Estou no meu limite e posso explodir a qualquer hora. Eu por mim mesmo tento ficar relaxado, mas as pessoas não me dão tempo. Olham para mim como se eu fosse a solução para todos os seus problemas.

A vida inteira fui pressionado, na escola, em casa, etc. De uma certa forma, sou acostumado com correria. Mas ninguém ajuda! Entro em pânico quando tudo está bem porque penso:“Se tudo está bem é porque tem alguma coisa errada.”.

As pessoas complicam em vez de simplificar. E esperam que eu concorde com as complicações. Como sou meio idiota, tento concordar. Mas, na verdade, eu discordo porque não as entendo, então, finjo que entendo. A minha cabeça fica confusa.

Minha cabeça está cansada. Não agüento mais besteirinhas e enjoeiras dos outros. Não agüento mais tanta informação nova na minha cabeça, nem ter de saber o que não sei. Sinto que minha mente vai parar de funcionar a qualquer momento. Ela vai fundir.

Não há mal que dure cem anos, nem corpo que o agüente. Por isso, sinto que o meu corpo vai ceder.

Eduardo Franciskolwisk

Um comentário:

  1. Eduardo , estou e vivo essa mesma situação e te entendo perfeitamente.E sei como é se sentir com uma bomba relógio e não aguento mais..É muito o que tenho que suportar , é tenso de mais.

    ResponderExcluir

Leitores, se forem comentar como anônimo por facilidade, peço que deixem pelo menos seus primeiros nomes como assinatura.

Mas se fizerem questão do anonimato, não tem problema!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...