domingo, 3 de junho de 2007

Excesso de Sinceridade!

Eu juro: não me acho chato. Quem me acha chato é porque ainda não conheceu um deles de verdade. O meu problema é que eu sofro de um excesso de sinceridade e por mais que eu tente controlar isso, eu não consigo.

Talvez, as pessoas que mais sofrem com isso (ou seja, minha “possível chatice”), são as pessoas que eu mais considero. É que eu me sinto com intimidade o bastante para falar o que eu penso. E por mais incrível que pareça, eu quase sempre me ferro com isso. Mas eu acho que mais cedo ou mais tarde, as pessoas acabam reconhecendo que eu estava certo: o que eu falei incomodou, porém, era a verdade.

Eu ainda prefiro sofrer de “Excesso de Sinceridade” e ser considerado chato do que ter um excesso de cortesia e ser uma pessoa falsa. Eu suporto ser chato e, para dizer a verdade, suporto até ser cínico, mas falso ainda não está na minha lista de qualidade do avesso.

E eu repito: quem me acha chato, não conhece um chato de verdade.

Eduardo Franciskolwisk

3 comentários:

  1. eu tmbm sofro disso, mas eu tmbm prefiro ser super sincero, sempre tenho uma opinião propria

    ResponderExcluir
  2. Nossa!!!! Ainda bem que tem pessoas que sofrem do mesmo mal. rsrsrsrs

    Quando eu vejo, já falei, é muito mais forte do que eu.

    Mas prefiro pagar o preço do que ser falsa ou ficar engolindo sapos...

    ResponderExcluir

Leitores, se forem comentar como anônimo por facilidade, peço que deixem pelo menos seus primeiros nomes como assinatura.

Mas se fizerem questão do anonimato, não tem problema!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...